BlogArte

Arte do (Graffiti) Junho 21, 2009

Filed under: Uncategorized — rafickool @ 1:32 pm

02[1]

 

Grafite ou grafito (do italiano graffiti, plural de graffito) é o nome dado às inscrições feitas em paredes, desde o Império Romano. Considera-se grafite uma inscrição caligrafada ou um desenho pintado ou gravado sobre um suporte que não é normalmente previsto para esta finalidade, porém com autorização do proprietário.

Por muito tempo visto como um assunto irrelevante ou mera contravenção, atualmente o grafite já é considerado como forma de expressão incluída no âmbito das artes visuais, [1] mais especificamente, da street art ou arte urbana – em que o artista aproveita os espaços públicos, criando uma linguagem intencional para interferir na cidade. Entretanto ainda há quem não concorde, equiparando o valor artístico do grafite ao da pichação, que é bem mais controverso. [2]

Normalmente distingue-se o grafite, de elaboração mais complexa, da simples pichação, quase sempre considerada como contravenção. No entanto, muitos grafiteiros respeitáveis, como Osgemeos, autores de importantes trabalhos em várias paredes do mundo – aí incluída a grande fachada da Tate Modern de Londres[3] – admitem ter um passado de pichadores.

A partir do movimento contracultural de maio de 1968, quando os muros de Paris foram suporte para inscrições de caráter poético-político, a prática do grafite generalizou-se pelo mundo, em diferentes contextos, tipos e estilos, que vão do simples rabisco ou de tags repetidas ad nauseam, como uma espécie de demarcação de território, até grandes murais executados em espaços especialmente designados para tal, ganhando status de verdadeiras obras de arte. Os grafites podem também estar associados a diferentes movimentos e tribos urbanas, como o hip-hop, e a variados graus de transgressão.

leca2[1]Dentre os grafiteiros, talvez o mais célebre seja Jean-Michel Basquiat, que, no final dos anos 1970, despertou a atenção da imprensa novaiorquina, sobretudo pelas mensagens poéticas que deixava nas paredes dos prédios abandonados de Manhattan.[4] Posteriormente Basquiat ganhou o rótulo de neo-expressionista e foi reconhecido como um dos mais significativos artistas do final do século XX.
graffiti-2[1]

Anúncios
 

10 Responses to “Arte do (Graffiti)”

  1. rafickool Says:

    espero ke gostem!!:D :O 🙂

  2. rafickool Says:

    devia ter escolhido outra imagem akela n me parece muito boa….

  3. jorge sousa Says:

    Está um artigo muito bom!
    Então agora ninguém vem ao Blogarte?

  4. jorge sousa Says:

    Estão as duas imagens muito bem pintadas e coloridas.

  5. Rafael Says:

    obrigada jorge isto ando muito deserto nem o luis pedro tenho visto…….voces tao em altura de testes porke se entiverem ele deve tar a estudar..

  6. Catarina Gomes Says:

    O graffiti é uma forma de arte mural.
    Há quem diga que quando é feito de forma legal, com autorização ou por encomenda, que perde a sua alma.
    Eu acho que não. A qualidade do graffiti está na mão do artística e não na sua legalidade 😉

  7. Catarina Gomes Says:

    Ups… em cima era “mão do artista”. Desculpem 😦

  8. Catarina Gomes Says:

    Ah… e falando em graffiti… surgiu uma nova forma.
    Espreitem este vídeo:

  9. heshimuevans Says:

    O artigo está muito informativo e com imagens esclarecedoras do assunto tratado. E lá em Inglaterra vês muitos graffitis nas paredes ou noutros locais?

  10. Rafael Says:

    aki n se ve muitos graffitis (na parte onde eu estou)..


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s