BlogArte

A Ria de Aveiro Dezembro 23, 2008

Filed under: Uncategorized — heshimuevans @ 6:14 pm
Tags: , ,

                                       A ria de Aveiro

 

A ria de Aveiro estende-se, pelo interior, paralelamente ao mar, numa distância de 45 quilómetros e com uma largura máxima de onze quilómetros, no sentido Este-Oeste, desde Ovar até Mira.

A Ria é o resultado do recuo do mar, com a formação de cordões litorais que, a partir do século XVI, formaram uma laguna que constitui um dos mais importantes e belos acidentes hidrográficos da costa portuguesa.

 

                                         

Abarca onze mil hectares, dos quais seis mil estão permanentemente alagados, desdobra-se em quatro importantes canais ramificados em esteiros que circundam um sem número de ilhas e ilhotes. Nela desaguam o rio Vouga, o Antuã, o Boco e o Fontão, tendo como única comunicação com o mar um canal que corta o cordão litoral entre a Barra e S. Jacinto, permitindo o acesso ao Porto de Aveiro, de embarcações de grande porte.

 

                                       

     

Rica em peixes e aves aquáticas, possui grandes planos de água, locais de eleição para a prática de todos os desportos náuticos. Ainda que tenha vindo a perder, de ano para ano, a importância que já teve na economia aveirense, a produção de sal, utilizando técnicas milenares, é, ainda, uma das actividades tradicionais mais características de Aveiro.

 

                                                                                                  Luís Vicente

 

 

 

 

 

Anúncios
 

9 Responses to “A Ria de Aveiro”

  1. Catarina Gomes Says:

    Aaaaahhhhh… Aveiro! Cidade do meu coração! 😀

  2. Catarina Gomes Says:

    Os meus comentários hoje não estão grande coisa mas já entrei em modo natalício… e de descanso 😉

  3. heshimuevans Says:

    Ainda bem que já acabaram as reuniões!…

  4. heshimuevans Says:

    Assim a professora já pode vir mais vezes comentar!

  5. tiagocv Says:

    uau!
    em ovar moro eu e em mira os meus avôs! 😀

  6. tiagocv Says:

    na sei o que tem a ria a haver com arte 🙂

  7. heshimuevans Says:

    Eu quis interagir a ria de Aveiro com a pintura de barcos nesta mesma.Mas se não percebes-te,lamento!

  8. Catarina Gomes Says:

    A ria de Aveiro ao pôr-do-sol é uma obra de arte da natureza Tiago! 🙂

    E hoje já quase não há salinas activas. Quando era miúda havia muitas ao longo do caminho de Aveiro para as praias… Era uma paisagem fenomenal 🙂

  9. josemattoso Says:

    eu acho que com este artigo posso dizer que nos espera um pesadelo pois na parte da ria que passa pela torreira esta toda poluidae as aguas começam passar para o lado de aveiro, como ja devem ter percebido o caudal em aveiro sobiu bastante e suspeita-se que daqui a uns tempos a ria de aveiro vai transbordar do seu canal pois na parte da torreira ja e praticamente so ilhas


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s